g2h

level

segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

dicas para andar de motocicleta no trânsito urbano

dicas para andar de motocicleta no trânsito urbano


1 – Pilote sempre equipado

A primeira dica do instrutor de pilotagem é usar sempre equipamento de segurança. Capacete, dentro do prazo de validade e corretamente afivelado ao pescoço. Mas a cabeça não é a única parte do corpo que precisa ser protegida. Por isso, é importante vestir jaqueta com proteções, luvas, calça de tecido resistente e um calçado fechado, “de preferência, de cano alto”.

2 – Posicionamento sobre a moto

Para pilotar uma moto, é preciso se posicionar corretamente sobre a moto para melhorar a maneabilidade. “Mantenha a cabeça erguida, com olhar sempre atento ao que vem à frente”, explica Gutenberg. Braços e ombros devem ficar relaxados para que você posso desviar de obstáculos na via com rapidez. A coluna tem de estar ereta para que o condutor não se canse e pilote confortavelmente.


As pernas devem estar flexionadas, e os joelhos, “abraçar” o tanque para garantir firmeza na condução. Os pés têm de estar paralelos e apontados para frente. “As pedaleiras ajudam a proteger os pés”.

3 – Inspeção antes de rodar

Antes de sair de casa, ao dar partida, enquanto deixa o motor esquentar, aproveite para verificar o funcionamento do farol, dos piscas, da lanterna e da lâmpada de freio. “Além de ser perigoso rodar com alguma luz queimada, é infração de trânsito. A multa será mais cara do que trocar a lâmpada".


4 – Pilotagem defensiva

Em função de seu tamanho reduzido, em comparação a carros e caminhões, a motocicleta exige uma postura defensiva na pilotagem para que veja e seja visto pelos outros agentes do trânsito. “Fique no centro da faixa de rolagem e mantenha distância segura dos outros veículos”. Dessa forma é possível se adiantar as situações e evitar colisões.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba postagens por Email. Após colocar seu email procure sua caixa de entrada mensagem e confirme

Postagens populares